Blog TNC GAN

Dia Internacional da Prematuridade

Dia 17 de novembro se comemorou o dia Internacional da Prematuridade. E, todos os dias são especiais para o cuidado de cada uma dessas vidas.

A nutrição do recém-nascido pré-termo é um grande desafio e extremamente fundamental no crescimento e desenvolvimento destes bebês.

O principal objetivo da nutrição é fornecer nutrientes para manter o crescimento similar ao intrauterino e garantir um desenvolvimento intelectual, cognitivo e motor satisfatório em longo prazo.

As necessidades nutricionais variam de acordo com peso de nascimento, idade gestacional, doença associada e o tipo de terapia nutricional utilizada (parenteral ou enteral).

É muito importante o envolvimento de uma equipe multiprofissional de saúde altamente treinada e constituída por médicos, enfermeiras, nutricionistas, farmacêutico e fonoaudiólogo para garantir o sucesso da terapia nutricional. Ao longo dos anos foram expressivos os avanços na terapia nutricional do pré-termo e, com isso, aumentou-se as chances de sobrevida. Os recém-nascidos Pré-Termo, em particular, apresentam estoques reduzidos de nutrientes com capacidade limitada para tolerar o jejum. Dessa forma, o suporte nutricional deve ser estabelecido após a estabilidade hemodinâmica, nas primeiras 24 horas de vida. A prática da enteral mínima precoce associada a nutrição parenteral é um fator importante para ocasionar menos intolerância gástrica e ganho de peso mais rápido em relação aos recém-nascidos alimentados mais tardiamente. A presença do alimento no tubo digestório é um importante estímulo para o crescimento da mucosa intestinal e evita complicações como a enterocolite.

A definição de alta hospitalar para estas crianças variam de acordo com cada instituição e se existem doenças associadas que favoreçam o aumento no tempo de hospitalização. Entretanto, a priori, pode se considerar como fator preditivo de alta um peso de 2000g, se o recém-nascido apresenta capacidade de alimentar-se exclusivamente por via oral em quantidade suficiente para garantir crescimento adequado (mínimo de 20 gramas por dia, por pelo menos 3 dias consecutivos).

Este bebê deverá ter acompanhamento ambulatorial para monitorar o crescimento e possíveis deficiências de micronutrientes. O catch-up ou retomada de crescimento irá oscilar de acordo com o tempo podendo ser completada num período de 2 a 3 anos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Sede GANuttrir

    Rua Guilherme Briggs, 59
    São Domingos, Niterói - RJ
    (21) 2620-7177
    (21) 9649-6495
  • Espaço GAN Saúde

    Rua da Conceição, nº 188
    Sala 2401 B
    Centro, Niterói - RJ
    (21) 3628-1777
    (21) 97121-7148

Acompanhe

Certificações